Inaugurado no dia 23 de dezembro de 2016, o prédio do Departamento de Desenvolvimento Social de Elias Fausto sofre com algumas dificuldades na área de infra-estrutura que foi realizada na antiga gestão. No entanto, com as chuvas constantes na cidade, o prédio apresentou goteiras e infiltração nas paredes.

“Praticamente toda vez que chove temos que tirar água com baldes. Isso impossibilita, inclusive, de realizar um atendimento eficaz para a população  que nos procura, correndo até riscos de acidentes por conta do piso molhado”, afirma Ana Cristina Bittencourt, presidente do fundo de solidariedade.

Além das constantes goteiras, Ana explica que o prédio também possui problemas com relação à acessibilidade, banheiro para deficiente sem as devidas adequações, escada caracol que dificulta o acesso ao segundo andar no prédio. “Além da não finalização de pintura, falta de portas nas salas e diversos ajustes que deverão ser feitos”, conclui.